Tensiones entre el proyecto Alianza para el Progreso y el desarrollismo nacional en Brasil

Autores/as

  • Vera Alves Cepêda Universidade Federal de São Carlos

Palabras clave:

teoria do subdesenvolvimento, teoria da modernização, nacional-desenvolvimentismo, idealismo orgânico, Aliança para o Progresso

Resumen

O presente trabalho procura analisar a recepção do programa Aliança para o Progresso no Brasil. A hipótese central investiga o peso que a anterior trajetória nacional-desenvolvimentista, as experiências robustas de planejamento econômico-social de molde estatal, a inclinação para a valorização da ação protagonista do Estado e a existência de um projeto de política externa independente (PEI) exerceram tanto na criação estratégica (e tardia) da Aliança para o Progresso pelos Estados Unidos, quanto pela sua fraca presença e duração no Brasil.

Publicado

2020-07-07

Cómo citar

Alves Cepêda, V. (2020). Tensiones entre el proyecto Alianza para el Progreso y el desarrollismo nacional en Brasil. Revista De Historia, 1(27). Recuperado a partir de http://revistasacademicas.udec.cl/index.php/historia/article/view/2153

Número

Sección

Artículos